SERVIDORES DE JOINVILLE E ITAPOÁ CRUZAM OS BRAÇOS CONTRA REFORMA DA PREVIDÊNCIA

RECEITA DO DIA: Torta de Bis com 3 Ingredientes
30 de março de 2017
RECEITA DO DIA: TORTA SALGADA DE MILHO
31 de março de 2017

 

Os servidores de Joinville e Itapoá devem cruzar os braços novamente contra a reforma da Previdência. Para acompanhar a série de paralisações que devem ocorrer no país, o ato em Joinville vai ocorrer na sexta-feira (31), na Praça da Bandeira, às 9h. Inicialmente, esta atividade havia sido programada para 28 de abril, mas como a votação da PEC 287/2016 (Reforma da Previdência) na Câmara dos Deputados está atrasada, foi preciso alterar o cronograma.

De acordo com o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Joinville e Região (Sinsej), até o momento a matéria segue aguardando parecer da Comissão Especial. Esta demora já é resultado da pressão das bases sobre os parlamentares, mas Temer e o Congresso permanecem resolvidos a aprová-la.

Após as manifestações de 15 de março, o presidente chegou a afirmar que o serviço público dos Estados e municípios estaria fora da Reforma. Na visão dos sindicatos, o presidente mentiu para a população. “A verdade veio à tona esta semana, com o anúncio de que as modificações nas regras de aposentadoria dos servidores estaduais e municipais precisa acontecer em até seis meses”, afirma o Sinsej em nota.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *