Novo estacionamento rotativo de Joinville é oficializado pela Prefeitura de Joinville

Saúde de Joinville implanta sistema integrado para agendamento de exames laboratoriais
27 de março de 2019
Instalação de sistema de bombas compromete abastecimento de água na região Sul de Joinville Joinville
27 de março de 2019

O prefeito de Joinville, Udo Döhler, assinou nesta quarta-feira (27), durante a reunião Plenária da Câmara dos Dirigentes Lojistas de Joinville (CDL), o decreto de implantação do novo Sistema de Estacionamento Rotativo Púbico em ruas da área central da cidade.

Nesta etapa serão implantadas 905 vagas. A novidade é o fato de ser gratuito, porém com tempo de utilização do espaço limitado a até duas horas. O período de uso será de segundas a sextas-feiras das 8h30 às 18h30 e aos sábados das 8 às 13 horas.

A fiscalização será feita por agentes do Departamento de Trânsito (Detrans) e também pode ser realizada pela Guarda Municipal. Serão usados equipamentos de tecnologia apropriada para realizar o monitoramento da ocupação das vagas.

Os veículos que estiverem fora do tempo de permanência permitido ou em desacordo com a sinalização serão autuados por infração de trânsito com base no Código de Trânsito Brasileiro, por estacionamento irregular (R$ 195,23). Os veículos também poderão ser guinchados do local. A mesma vaga só poderá ser utilizada uma única vez no dia pelo usuário.

O sistema será efetivado 30 dias após a assinatura do decreto. Durante esse período será feita as sinalizações das vagas. Dentro deste período também haverá o processo de adaptação do novo sistema, para ação orientativa dos agentes de trânsito aos motoristas sobre o uso dos espaços. Neste prazo, os condutores flagrados estacionados irregularmente não serão autuados. A expectativa é que todo o sistema entra em vigor até o final de abril.

Nesta primeira etapa de implantação, as 905 vagas abrangem 17 ruas da área central. Os locais estarão sinalizados por placas com indicativo do tipo de veículo e tempo máximo permitido. Esse tempo máximo na mesma vaga varia de uma a duas horas, de acordo com a área estabelecida. Após esse tempo o condutor é obrigado a retirar o veículo da vaga.

Classificação

As 905 vagas da primeira fase serão distribuídas da seguinte forma: 758 para carros (2 horas), 30 para caminhões (1 hora), 33 para idosos (2 horas), 22 para pessoas com deficiência (2 horas), 35 para motos (2 horas) e 27 para veículos com uso obrigatório de pisca-alerta ligado (15 e 30 minutos).

O uso das vagas por tempo diferente ao limite regulamentado para atendimento de serviços que exijam a utilização extraordinária, inclusive por caçambas e outros equipamentos, depende de prévia autorização do Departamento de Trânsito (Detrans).

Estarão isentos de atender as normas do estacionamento rotativo os veículos de combate a incêndio e salvamento, política, fiscalização e operação do trânsito e ambulâncias.

As vias do sistema

O sistema será implantado em 17 ruas da área central. São elas as ruas dos Ginásticos, Mario Lobo, Luiz Niemeyer, Princesa Izabel, Dona Francisca, 15 de Novembro, do Príncipe, travessa Bachmann, 9 de Março, Jacob Richlin, Três de Maio, Rio Branco, Sete de Setembro, Padre Carlos, Marinho Lobo, Abdon Batista e Frederico Stoll.

Após a conclusão das obras de implantação de galerias do Projeto Rio Mathias o estacionamento será implantado nas ruas São Francisco, São Joaquim, Engenheiro Niemeyer e Jerônimo Coelho. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *