Comunidade aprende a elaborar confeitos de Páscoa

Saúde de Joinville leva vacina da febre amarela às residências em Pirabeiraba
1 de abril de 2019
Sem saber que estava grávida, mulher dá à luz em shopping em cidade de SP
1 de abril de 2019

As semanas que antecedem a Páscoa deste ano têm sido especial em Joinville para cerca de oitenta moradores dos bairros Comasa e Adhemar Garcia, a maioria mulheres, que participaram de oficinas de produção de ovos e outros confeitos de chocolate.

Os cursos foram ministrados no Restaurante Popular 2, no bairro Adhemar Garcia, por iniciativa da Companhia Águas de Joinville (CAJ) e da Secretaria de Assistência Social tendo como objetivo oferecer à comunidade oportunidade de um trabalho para gerar renda.

A proposta do curso surgiu como resultado de pesquisa elaborada pelo Centro de Referência em Assistência Social do bairro em que a maioria escolheu a confecção de produtos à base de chocolate. As aulas foram ministradas pela assistente administrativa da Companhia Águas de Joinville, Eliete Ramos Tomazelli, que também é especialista em confeitaria.

O envolvimento da CAJ faz parte da política de relacionamento da empresa com a comunidade em que atua, especialmente neste momento em que a rede de coleta do esgoto será ampliada na zona Sul de Joinville. No próximo ano, um dos cursos será de capacitação em conexão das residências à rede de esgoto.

Cada oficina de chocolate foi ministrada para grupos de 20 pessoas em que foram ensinados processos de manipulação, fracionamento, temperagem e modelagem de ovos, barras e bombons. “Além de produzirem confeitos para familiares e amigos, a maioria dessas pessoas vai melhorar a renda familiar com a venda”, explicou a confeiteira Eliete Ramos Tomazelli.

Uma das alunas do curso é Tatiana dos Santos, que se disse tem confiante no que aprendeu e na possibilidade de ganhar algum dinheiro extra. “Foi bem bom. Tiramos dúvidas e aprendemos a fazer ovos mais gostosos, com mais recheio. Certamente vou vender para pelo menos umas trinta pessoas, até pelas redes sociais”, projetou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *